Home > Colunistas > SONO E CÂNCER. VAMOS CAMINHAR?

Para colaborar com pessoas com o diagnóstico de câncer, incentivando-as a lutarem para vencer a batalha contra essa terrível doença,  esse texto foi escrito para o Instituto Quimioterapia e Beleza . Evidentemente, não é  fácil, porém se as pessoas souberem a importância do sono durante e após o tratamento do câncer e como é possível ajudar um parente , um amigo, a dormir melhor,  durante o tratamento, um importante  passo a mais terá sua enorme contribuição nessa jornada.  Com isso, juntos,  vamos caminhar?

Um  grupo de pesquisadores liderados por Chiu R.N. publicaram recentemente no Oncology Nursing Forum   um estudo onde avaliaram uma série de estudos que verificaram a efetividade de exercício físico do tipo caminhada e seus efeitos no sono de pessoas com câncer

O diagnóstico precoce de câncer e os tratamentos promovem cura e longevidade para as pessoas. Entretanto , sono alterado é achado comum entre as pessoas com câncer e que frequentemente experimentam distúrbios do sono, diariamente e  logo após  o início do tratamento . Os distúrbios do sono podem afetar a saúde mental, o funcionamento de atividades do corpo e a qualidade de vida potencializando os problemas de saúde.

Tratamentos com remédios e terapia comportamental cognitiva para insônia são usados para os problemas do sono nessas pessoas. Entretanto, devido aos efeitos colaterais adversos ou dificuldade em se obter tais terapias, muitos procuram maneiras alternativas para seus problemas de insônia, mas  que tenham efeitos adversos mínimos e de fácil acesso.

Tem sido demonstrado que os exercícios físicos melhoram o sono por meio de alguns mecanismos biológicos que incluem uma melhor regulação da resposta imune-inflamatória, controle da temperatura corpórea, melhora da função hormonal como também afeta os caminhos das vias psicológicas que promovem melhora no humor.

A caminhada é um exercício físico facilmente acessível, de baixo custo e extremante viável para o controle de distúrbios do sono em pacientes em tratamento de câncer. Para os autores , os melhores benefícios são alcançados em caminhadas moderadas a intensas , quando comparados a caminhadas leves. Os efeitos benéficos da caminhada, no sono, foram igualmente observados  tanto em pessoas com câncer de mama como em indivíduos com outros tipos de câncer.

Os autores apóiam a idéia de que o exercício do tipo caminhada deve ser adotado como método importante para o controle dos problemas de sono nos indivíduos com câncer. Os autores desse estudo afirmam que os cuidadores e profissionais relacionados ao tratamento e suporte desses pacientes devem transmitir a importância da caminhada nas pessoas quem enfrentam problemas de sono, uma vez que caminhadas são seguras e promovem melhoria na qualidade do sono em pessoas com câncer . Ressaltam também a importância da avaliação prévia do cardiologista e do pneumologista para a prática de exercícios.  A conclusão é que caminhadas devem ser adotadas como prática em pacientes com diferentes tipos de câncer.

Dormir bem é fundamental para restaurar as funções celulares e com isso proporcionar a revitalização diária do corpo humano contribuindo para a saúde. Exercícios físicos, mesmo que leves, como caminhadas controladas e adequadas a cada pessoa, promovem melhoria na qualidade do sono e com isso contribuem para impulsionar positivamente o tratamento do Câncer.

Dr. Eduardo Rollo Duarte
Periodontista – Protesista – Dentista do Sono
CRO 41389

Comentários

comentário

2 Respostas

Deixe um comentário