Home > as cats > DANIELA RAFFAELE
Bom dia, garotas!!! Meu nome é Daniela Raffaele e gostaria de dizer que as histórias de vocês me enchem de esperanças.Tenho 35 Anos, sou formada em Letras,mas trabalho na Educação infantil.Tenho 8 anos de casada e uma filha, Julinha, de 6 anos. Desde que ganhei a Júlia nunca tinha voltado ao médico, mas em Abril deste ano senti algo estranho no meu seio esquerdo, tipo um carocinho.Demorei cerca de um mês pra ir ao médico, pois trabalhava os dois períodos e nunca tinha tempo.Teve um dia que já não estava passando bem e pedi pra sair do trabalho mais cedo e fui em um pronto socorro, isso foi final de Maio/2015. A médica que me atendeu pediu um ultrassom da mama , e por causa de dois dias de atraso na menstruação resolveu pedir o exame de gravidez.O ultrassom deu normal, uma simples displasia, sem presença de nódulos. Mesmo assim, marquei o mastologista pra outra semana. Mas a surpresa veio horas depois com o resultado confirmando a gravidez de 2 semanas. Ficamos eufóricos, muito felizes, pois já estávamos decididos em ter outro filho, e essa foi nossa primeira tentativa depois de 6 anos e tinha dado certo.
No dia 02 de junho, levei o Ultrassom ao masto que me pediu que fizesse compressas de água quente. Fiz por cerca de um mês e nada de sumir,pelo contrário a área endurecida estava aumentando e começou a inchar, voltei ao masto e ele me disse pra tomar antibióticos por 14 dias, o inchaço diminuiu, porém a área endurecida ainda me incomodava. Passado mais um mês notei meu mamilo entortar, tipo entrar pra dentro, a área endurecida estava maior, e meu obstetra ficou super preocupado, voltei ao masto que solicitou outro ultrassom e que mais uma vez não deu nada, porém pediu que investigasse a área endurecida. De volta ao masto ele me pediu uma biópsia, que foi feito dia 11/09. Fiquei muito nervosa, eu e meu marido mal dormimos, pois do que era nada, agora tinha que fazer biópsia?!! Neste mesmo dia meu marido foi demitido, sem justa causa, do nada… Ficamos arrasados. O resultado da biópsia sairia de 15 a 20 dias.Todos os dias eu entrava na internet pra ver se tinha saído, e na noite do dia 24 veio o resultado,CARCINOMA DUCTAL INFILTRANTE GRAU II. Fiquei muito preocupada , pois a essa altura eu já estava com 20 semanas de gestação, esperando nossa pequena Liz, mas hora nenhuma desesperei. Abracei meu marido e escorreram algumas lágrimas. Avisei meu obstetra por mensagem, que logo me ligou e agendou pro outro dia. Acordei fui trabalhar, avisei minhas diretoras e fui me cuidar. Como sou funcionária efetiva da prefeitura , tenho um plano de saúde que está sendo minha salvação. Em quatro dias, fiz todos os exames e os médicos optaram por fazer a quimio, depois cirurgia e rádio,nisso o tumor já estava com 11cm.A minha primeira quimio foi dia 05/10, no dia do aniversário da Júlia. Por Deus, tudo está acontecendo muito rápido sem burocracia.
 Nisso tudo, o que me deixou mais abatida foi o fato de não poder espera a Liz nascer pra iniciar o tratamento.Cogitei até fingir que nada estava acontecendo, pra deixá-la nascer primeiro.Está ideia foi totalmente refutada pelo meu obstetra , que me tranquilizou dizendo que o efeito da quimio na Liz seria minimizado pela placenta, e que as vezes ela poderia nascer menor um pouco, mas que depois se desenvolveria normalmente.Isso me deixou aliviada e juntamente com a ansiedade da minha outra filha em ter uma irmã , me deu muita força pra prosseguir o tratamento. Não senti quase nada de efeitos colaterais na primeira quimio, a Liz está ótima, e é isso que importa! Minha filha, Júlia adora me colocar lenços, tiaras na minha cabeça, ela está levando numa boa as novidades que estamos enfrentando.Ontem dia 26, fiz minha segunda quimio. Tenho mais duas do ciclo de 21 dias e 12, uma por semana. Estamos esperando a Liz nascer em janeiro, então faremos a mastectomia e depois a rádio. Agradeço a Deus a vinda da minha Liz, pois só descobri o câncer, por causa dela. Nos exames apontaram que o tumor se alimenta de hormônios , que com a gravidez aumentaram e fizeram com que eu notasse o problema e pudesse me tratar , pra poder viver e ver minhas filhas crescerem. Mas o que eu aprendi até agora, é que, Deus te dá força, pra enfrentar tudo , desde que não se vitimize. Que é de extrema importância o apoio da família e das pessoas ao seu redor, e o mais importante temos que nos cuidar. Nenhum médico conhece o nosso corpo melhor do que nós. Independente da idade, sentiu algo diferente, procure imediatamente ajuda médica e não desista até ter certeza de que não é nada. Temos que nos tocar, nos conhecer, nos amar mais que tudo, pra depois sim,  poder cuidar daqueles que amamos.
daniela 4
daniela 2
daniela 1

Comentários

comentário

6 Respostas

  1. Nélio

    Um exemplo de coragem,amor e superação parabéns Daniela, voce é uma vencedora e uma pessoa especial e com certeza voce é um exemplo de energia positiva que rompe barreiras!

  2. Gabriella Sica

    Dani envio muita energia positiva para vocês e que Deus continue te dando forças para que esse seu sorriso contagiante nunca se apague.. Um super beijo com carinho. Gabi ????

  3. Flaviana

    Em cada frase que li de seu depoimento tive mais certeza de que você é uma vencedora, muito importante sua força e sua fé. E como é bom amor de mãe, preenche qualquer lacuna. Muitas bênçãos de Deus para vc!!!

  4. SuzianeRosa

    Lindas palavras, concordo com tudo o que foi dito pela minha linda e maravilhosa Daniela (minha porque foi minha professora no fundamental e é uma pessoa inesquecível). Fiquei muito emocionada com a história, e tendo feito parte de uma rápida parcela da sua vida me sinto também muito orgulhosa por não se deixar entregar para as dificuldades. Parabéns pela Família linda que tem, que te apoia e te dá toda força, Deus sabe a quem propor desafios e se ele te propôs esse é porque você é capaz. Que a pequena Liz venha para iluminar ainda mais o seu olhar…. Te adoro muitooo e jamais vou me esquecer da sua pessoa ♥ ♥

Deixe um comentário